Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a thousand books

23.09.22

Um strudel de frutos vermelhos.

Com creme de pasteleiro.

Perdi a conta às vezes que já fizemos strudel de frutos vermelhos. Muito simples e extremamente delicioso, tudo aquilo que se quer para que a experiência culinária se repita vezes sem conta. O melhor de tudo: a versatilidade. Compota do que quiserem. As frutas que vos apetecerem. Só não mudem o creme de pasteleiro. Porque esse é o segredo. E é dos poucos que podemos revelar. Ingredientes para o creme de pasteleiro, 250ml leite 1 ovo + 2 gemas 40g farinha de trigo 75g açúcar 1/2 (...)
19.09.22

Review | A Paciente Silenciosa

com cinco estrelas

É difícil escrever um bom thriller. E ainda mais difícil é, quando a premissa assenta no trauma depois de um homicídio: Alicia Berenson matou o marido e, desde então, nunca mais disse uma palavra. Não mostra qualquer tipo de emoção ou reação, independentemente do estímulo a que é sujeita. Um thriller psicológico com uma intensidade ímpar. Uma narrativa misteriosa e perturbadora, onde o nível de tensão é sempre elevado e permanente. Uma harmonia perfeita entre todos os (...)
09.09.22

Um brunch no Seventh.

As saudades que eu tinha de um brunch. E as saudades que eu já tenho outra vez. Porque este brunch de que vos venho falar hoje, aconteceu ainda o mês de agosto ia a meio. Numa outra vida, quase. O que vale é que um fora de horas gastronómico, é sempre uma ótima desculpa para recordar o bom que foi. E este brunch no Seventh foi tudo de bom. Um american brunch, Ovos mexidos com bacon [também podem escolher ovos benedict, eu ainda não ganhei coragem para provar e, quiçá, devorar]. (...)
06.09.22

Óbidos

Uma pequena vila literária, demasiado gira e amorosa. Cada rua colorida com uma história para contar e memórias para recordar. E foi na rua principal que tudo aconteceu. As casinhas rasteiras pintadas à mão e uma chávena às bolinhas, como recordação [se pudesse tinha trazido tudo o que havia na Ana Todo Bom]. Os marcadores que me conquistaram assim que os vi, na Livraria do Mercado. Uma livraria com verdadeiras relíquias e um mercado biológico no mesmo espaço! Ia pronta (...)
30.08.22

Petisco | Patê de alheira e maçã

Os últimos cartuchos do verão significam petiscos. Todos os dias e não se fala mais nisso. E sim, estão equiparados a um brunch. Ou a uma pizza extraordinária. Mas enquanto não há um novo brunch ou uma nova pizzaria, vamos fazer patê de alheira e maçã. Patê de alheira e maçã Ingredientes 1 alheira de caça 3 maçãs reinetas 1 colher sobremesa de manteiga Água q.b.   Começa por tirar a pele à alheira e leva-a a uma frigideira antiderente. Com um garfo, vai esmagando a (...)